«

»

O que causa câncer de boca?

Esta terça-feira, 27 de novembro de 2012, marca o Dia Nacional de Combate ao Câncer. A data foi estabelecida em 1988 pelo Ministério da Saúde, como forma de ampliar o conhecimento da população sobre o tratamento e prevenção do mal. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o câncer é a segunda doença que mais mata no mundo, atrás apenas dos transtornos cardiovasculares.

No Brasil, a estimativa do Instituto Nacional do Câncer (Inca) é de que o problema seja responsável por quase 600 mil mortes por ano. Entretanto, mais da metade dos casos poderia ser evitada se os pacientes tivessem se submetido a exames preventivos e adotado hábitos de vida mais saudáveis.

Entre os tipos de tumores que mais acometem a população, os cânceres bucais merecem destaque, uma vez que costumam ser descobertos já em estágio bastante avançado e apresentam altos índices de necessidade cirúrgica e mortalidade. De acordo com o Inca, cerca de 14 mil pessoas são diagnosticadas com câncer de boca todo ano no Brasil – e metade delas lamentavelmente vai a óbito.

É considerado câncer de boca todos os tumores malignos que afetam a região oral, o que inclui lábios, gengivas, língua, soalho, palato duro, glândulas salivares, amígdalas e a parte posterior da garganta.

Em geral, essa doença é inicialmente confundida com feridas simples ou dores de garganta típicas de uma gripe, o que explica o prognóstico negativo da doença e torna as consultas com a dentista ainda mais importantes para a saúde.

O tabagismo é o principal responsável pelo desenvolvimento do câncer de boca; ele está associado a até 90% dos casos. Além disso, o consumo de bebidas alcoólicas, higiene bucal inadequada, próteses dentárias mal ajustadas ou em condições inadequadas de uso – quebradas ou com pontas que podem causar feridas – e a contaminação por papiloma vírus humano (HPV) também são fatores de risco para o surgimento de tumores na cavidade oral.

Portanto, a atenção com a saúde oral é fundamental para prevenir cânceres de boca, e o cuidado com a higiene bucal diminui significativamente os riscos de desenvolver a doença.

A consulta semestral com a profissional de Odontologia também é fundamental, pois garante a identificação precoce de alterações cancerígenas, o que aumenta as chances de sucesso no tratamento.

A saúde começa pela boca: consulte sempre um dentista
Dra. Kamila Godoy: (11) 2451-6335 e (11) 3078-2691
Ligue e agende sua visita

Artigos relacionados:

7 pings

  1. Mitos de consultório: ausência de dor é sinal de boa saúde bucal? » Blog da Dra. Kamila Godoy

    [...] Mundial de Saúde (OMS), a boca não deve apresentar feridas, defeitos congênitos, cáries, cânceres, dentes perdidos ou qualquer outra doença ou distúrbio que afete a flora oral e dificulte as [...]

  2. Embora benigna, hiperplasia gengival causa transtornos à saúde oral » Blog da Dra. Kamila Godoy

    [...] pelo crescimento anormal e desordenado das células, a hiperplasia gengival não é considerada um câncer. Portanto, não deve ser vista como uma doença grave e assustadora.Por outro lado, nada impede [...]

  3. Mitos de consultório: enxaguante bucal substitui escovação dental? » Blog da Dra. Kamila Godoy

    [...] pode causar descamação das células da mucosa oral está associado ai desenvolvimento de cânceres.Para os pacientes que utilizam o enxaguante como ferramenta para combater a halitose, vale lembrar [...]

  4. Câncer bucal está diretamente associado a fatores evitáveis » Blog da Dra. Kamila Godoy

    [...] dos transtornos cardiovasculares.Embora todo tipo de tumor maligno seja merecedor de alerta, os cânceres bucais se destacam por estarem diretamente associados a causas evitáveis, como o tabagismo, consumo de [...]

  5. Clareamento dental: Fitas clareadoras realmente funcionam?

    […] da maneira indiscriminada, o peróxido de hidrogênio pode, ainda, induzir o desenvolvimento de cânceres (não apenas na boca, mas em todas as mucosas envolvidas no sistema […]

  6. Saúde bucal: Vitamina D é fonte estimula fortalecimento dentário e ósseo

    […] Entre os alimentos ricos em vitamina D, é possível destacar os derivados do leite, fígado de boi, gema de ovo, peixes e frutos do mar. Além disso, a exposição à luz solar estimula a produção de vitamina D pelo organismo. Portanto, vá tomar sol — mas por períodos curtos, para evitar o envelhecimento precoce da pele e desenvolvimento de câncer. […]

  7. Saúde bucal: Dia Mundial da Saúde Oral destaca importância da higiene bucal

    […] da cavidade oral estão diretamente associadas a problemas cardiovasculares, pulmonares, além de cânceres, diabetes e […]

Deixe uma resposta

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>